Depois do Snapchat, Facebook aponta agora "as armas" ao Tinder

Todos nós sabemos o velho ditado "se não os consegues vencer, junta-te a eles". O Facebook tem um ditado similar, "se não os consegues comprar, copia-os", e a sua história com Snapchat prova isso.
O Facebook, depois de não conseguir adquirir o Snapchat por 3 mil milhões de dólares, resolveu imitar as suas funcionalidades, nas Insta Stories, a nova funcionalidade do Instagram, que teve bastante sucesso.
Agora parece que é a vez do Tinder.

Será que brevemente iremos ter mais um botão de notificações no FB?

Segundo o website Motherboard, o Facebook está a fazer testes de uma nova funcionalidade, a ser integrada com a plataforma Messenger, que irá enviar notificações aos utilizadores com fotos dos seus amigos, a perguntar se estes se querem encontrar. Contudo esta resposta será confidencial, a não ser que ambos respondam que sim, nesse caso ambos serão notificados de tal.

Esta nova funcionalidade estará, segundo o Facebook, a ser testada no Canadá e na Nova Zelândia, mas em breve pode ser expandida para outras partes do globo, caso seja bem recebido pelos utilizadores.

Ecrã a perguntar se o utilizador se quer encontrar com o amigo.

Esta nova funcionalidade e deveras similar ao que é oferecido pelo Tinder, onde os utilizadores são apresentados com uma lista de pessoas para escolherem se se querem encontrar ou não, mas os utilizadores só são notificados de um "match" quando ambos dizem que sim.

No entanto, ao contrário do Tinder, no Facebook, esta funcionalidade só irá funcionar com pessoas que já estão na nossa lista de amigos (por agora).

Que acham desta nova funcionalidade do Facebook? Gostariam de experimentar com os vossos amigos?

Grupos de discussão:

Smartphones Chineses: http://fb.com/groups/gd.smartphones

http://bit.ly/segue-nos

1 comentários :

Sr. Zuck é bem esperto, não quer deixar o FB começar a morrer nem ferrando, vai investindo, fazendo mudanças, até mesmo inovando em alguns pontos. E levando em conta que a rede se mantém com um bom número de usuários ativos, acho difícil alguma rede social "quebrar" o facebook pelos próximos 5 anos.


Emoticon Emoticon